Monday, 7 May 2007

For a lifetime...

A primeira entrevista do projeto com o John Grant acabou de ser postada aqui. Por favor visitem, comentem. Vamos fazer a coisa pegar fogo!!!

Até agora já fiz quatro entrevistas. Não parece muito, mas acreditem em mim, dá tanto trabalho e consome um tempo danado que resolvi pegar mais leve comigo e levar a coisa com calma. Assim que tenho me dedicado com mais calma e paciência a cada uma. Decidi postar um resumo de cada uma, sem comentários ou análises profundas. Tentar deixar o mais fiel possível ao que me foi descrito e deixar aberto para uma discussão, que com sorte gerará bons inputs para a conclusão do projeto mais adiante.

Obviamente a perspectiva de entrevistar alguns dos melhores planejadores do mercado aqui elevou minhas expectativas as alturas, e preciso dizer que elas estão sendo completamene alcançadas, talvez até superadas. Ter mais ou menos uma hora do tempo dessas pessoas só para mim é uma preciosidade sem tamanho. E por causa da natureza da entrevista o conteúdo é extremamente estimulante. Por estar no papel de entrevistadora e totalmente aberta ao que eles têm a me dizer consigo me sentir mais confortável. Além do que, esta sendo o treinamento perfeito. Conduzir entrevistas é parte importante do trabalho de um bom planejador, é quando se tem chance de falar com o seu consumidor, se conectar a eles num nível mais direto e entender melhor o que passa na cabeça deles. É um bom exercício também para realmente ouvir, ouvir e ouvir e abrir mão daquela vontade doida de dar alguma opinião que na maioria das vezes pode esperar, ou de tirar conclusões precipitadas e muitas vezes carregadas de preconceito. Portanto, uma lição não só profissional, mas pra vida toda...

2 comments:

Anonymous said...

Juba muito legal a entrevista postada e sua estratégia para se inserir neste importante mercado publicitario.
Bjs.
Papi

Fernanda said...

Ju, além da estratégia adorei as associações: anemona e o samba. elas relamente dizem muito do processo de cada um. parabéns pela criatividade - ótimo começo.
Com certeza você vai ver que existem muitos processos: uns completamente diferentes dos outros, outros semelhantes em alguns pontos ou iguais. Minha expriência me diz que quanto mais mudar e não seguir regras e padrões, melhor será. ou seja, espero que todos eles façam um pouco de tudo.
Beijo
Fê Ferraz