Thursday, 21 August 2008

O primeiro carro a gente nunca esquece...

Todo mundo sabe (e jah peco desculpas pela generalizacao, porque de verdade nunca todo mundo tem a mesma opiniao ou sabe a mesma coisa, mas voces entendem a forca de expressao ne?) que no Brasil, talvez mais especificamente em Sao Paulo, o primeiro carro que se compra eh uma grande conquista. De verdade, eh assim com tudo que se adquire com nosso suado dinheirinho pela primeira vez: o primeiro som estereo, o primeiro walkman, seu primeiro apartamento e por ai vai... Mas em Sao Paulo o primeiro carro tem um gostinho especial. Carro em Sao Paulo eh sinonimo de liberdade. E nao estou falando aqui do primeiro carro que pode ser herdado do irmao mais velho, ou financiado pelo pai quando voce entrou para a faculdade. Mas daquele carro que voce comprou 100% com seu dinheirinho.

Pois bem, terca feira passada fui pegar meu primeiro carro. Ele tem um gosto mais especial ainda porque foi adiquirido aqui em Londres. Voce deve estar se perguntando porque voce precisa de carro em Londres, poxa com 10 linhas de metro cruzando a cidade, charmosos onibus de dois andares e sem contar o overground... Bem, vou te contar um segredo. O metro quebra toda hora, eh quente, fedido e SEMPRE cheio. O onibus as vezes pode demorar horas para passar no ponto e quando passa voce vai ter que conviver com vomito dos bebados dividindo o onibus com voce.E o overground funciona numa frequencia exuberante de 4 trens por hora (em horario de pico). Okay, tenho que adimitir que ha um certo exagero. Como paulistana nao poderia dar um piu reclamando de transporte publico no primeiro mundo. E justica seja feita, dah pra viver muito bem em Londres sem carro (tirando eh claro todas aquelas madrugadas procurando taxi e passando frio). Mas mesmo assim queria a minha libertacao do transporte publico. Queria recuperar meu direito de ir e vir quando bem entendesse sem me preocupar se folhas de outono estao bloqueando os trilhos do metro.

Eis entao que fui lah e comprei meu primeiro carro Londrino. Ele eh super ultra compacto, agilizissimo e portanto perfeito para o transito nas ruas estreitas dessa cidade. Sem contar que eh muito facil de estacionar, nao ocupa espaco e nem precisa de garagem especial. Eh mega economico, o consumo de gasolina eh exatamente 0 por kilometro rodado, portanto zero emissao de CO2.

Olha que linda minha Ferrari...






2 comments:

Lu said...

hahahaha
Boa Ju! E parabéns pela conquista! (vc realmente pretende fazer tudo de bike?)
Quando estava acabando de ler achei que seria aquele carro elétrico q tem aí...
bjos!

Py said...

hahahaha! adorei!

bike é tudo de bom, né? Tô sentindo uma saudade imensa da minha que tinha até cestinha na frente, digna de Ceci. Mas por enqto me considero bicho do mato d+ para enfrentar as ruas e os motoristas daqueles carros amarelos, sabe? O que as pessoas chamam com um sinal de braço e que passam por cima de tudo e de todos?

bjão