Sunday, 1 February 2009

Domingo Branco

Ontem fez exatamente 2 anos que eu cheguei em Londres. Passou rapido e agora jah parece que sao mais do que dois. Algumas coisas que eu aprendi ou dismistifiquei desde que cheguei aqui incluem: o metro (tube) nao eh uma maravilha, morar a algumas quadras da estacao num bom apartamento eh um luxo, andar de onibus eh muito mais prazeroso que de metro, mais prazeroso ainda eh andar de bicicleta, 15 minutos de caminhada ateh a estacao mais proxima eh perto, nunca saia sem ver a previsao do tempo, a previsao do tempo nunca acerta, principalmente se a previsao for de sol ou de neve...

Ao contrario do que a maioria das pessoas esperam, nao eh comum nevar em Londres, pelo menos ha uns 10 anos. Talvez seja o resultado do aquecimento global, mas eh uma questao de clima tambem. O inverno Londrino nao chega a ficar tao frio como deveria se comparado a outras cidades na mesma latitude, Moscou por exemplo. Isso se deve a uma corrente, que se nao me engano vem do golfo, e eh responsavel por fazer com que o clima em Londres, e na Inglaterra de um modo geral, seja sempre nem lah nem cah. Nao faz muito calor no verao, mas tambem nao faz muito frio no inverno. Chove muito, eh verdade, mas menos do que em NY por exemplo, ha dois anos nao vi uma tempestade nesta cidade, soh chuvisco, muito chuvisco. E isso explica porque tambem raramente neva.

Por todas as razoes acima, eh que eu nem dei muita bola quando vi no jornal a previsao de neve para este fim de semana. Aqui se espera a neve no inverno como se espera temperaturas acima de 25 graus no verao. Todo mundo torcendo para que o milagre aconteca e todo mundo entrando em panico se de fato o milare acontecer, pois a verdade eh que a cidade nao esta preparada nem pra um nem pra outro.

E nao eh que dessa vez o exagero dos meteorologistas se confirmou? A neve comecou a cair meio timida na hora do almoco e continuou assim durante todo o dia. Eu jah estava contente soh com os primeiros floquinhos que cairam, enquanto eu tomava meu chazinho e assistia aa final do Australian Open na TV. Mas era tao pouco, e geralmente quando cai eh sempre pouca mesmo, que nem me preocupei em sair pra almocar e ir ao cinema de bicicleta.

Nao esperava mesmo a nevasca de verdade que caiu e continua caindo. Ao sair do cinema encontrei minha bicicleta coberta de neve, e o capacete que eu tinha deixado amarrado nela tambem.



A neve continua caindo lah fora. Esta tudo branquinho, juntou ateh na minha janela. Acabei de sair pra comprar uma sopinha e deixei minhas pegadas na calcada. A viagem ateh o trabalho amanha sera escorregadia. Muita gente reclama da neve, porque nao deixa de ser um inconveniente. O metro que jah nao funciona bem fica pior ainda. O transito fica insuportavel, e andar na rua exige proeza de equilibrista. Mas eu adoro. Acho lindo. Prefiro o frio branquinho, do que o frio cinzento e chuvoso.

video

No comments: